[Resenha] A Chama Dentro de Nós - Brittainy C. Cherry



Título: A Chama Dentro de Nós (Elementos #2)
Autor(a): Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Nº de páginas: 350
Nota:

Logan Silverstone e Alyssa Walters não têm nada em comum. Ele passa os dias contando centavos para pagar o aluguel, sofrendo com a rejeição dos pais e tentando encontrar um rumo para sua vida caótica. Ela, por outro lado, parece ter um futuro brilhante pela frente. Um dia, porém, um simples gesto dá origem a uma improvável amizade. Ao longo dos anos, o sentimento que os une se transforma em algo até então desconhecido para os dois. Alyssa e Logan não conseguem resistir à atração que sempre sentiram um pelo outro e finalmente descobrem o amor. Mas uma tragédia promete separá-los para sempre. Ou pelo menos é isso que eles pensam. Seriam as reviravoltas do destino e as feridas do coração capazes de apagar para sempre a chama que há dentro deles


"...Ela era o fogo que me mantinha aquecido durante a noite.”



E m “A Chama Dentro de NósLogan e Alyssa se conhecem ainda jovens, adolescentes na verdade. Aparentemente, eles não têm nada em comum. O tempo passa, a amizade cresce, e a atração que existe entre eles é mantida em segredo. Assistem um ao outro passar por vários relacionamentos fracassados, pessoas que não se encaixam em suas vidas. Só Logan a completa do jeito certo, só Alyssa consegue fazê-lo sorrir. Inevitavelmente, uma hora a atração acaba falando mais alto, e eles começam a mudar o modo de ver um ao outro.

“Beijei minha melhor amiga, e ela me beijou. Alyssa me beijou como se realmente quisesse aquilo, e eu a beijei como se ela fosse tudo o que eu tinha no mundo. E ela era. Ela era o meu mundo.”

Quando finalmente o relacionamento entre eles está a todo vapor, quando Logan decide realmente se entregar ao amor e permite a Alyssa se aproximar, tudo desmorona e o rapaz chega ao fundo do poço como nunca antes havia chegado. Desesperado, Kellan - seu irmão - o obriga a tomar uma decisão importante sobre seu futuro, e a partir daí tudo muda.

Vou dizer que, a vida de Logan é cheia de desgraça, e mesmo quando a gente acha que pode respirar aliviado, lá vem outra rasteira e joga o garoto no chão. Eu torci muito por ele, meu coração se partia cada vez que via a maneira como sua mãe fraca, e o homem que se dizia seu Pai o atiravam no fundo do poço. O quanto o menosprezavam, o diminuíam e minavam cada sonho daquele garoto.

“Minha mãe tinha o dedo em riste e um olhar severo.
- Você. Me. Ouviu? – perguntou novamente.
-Ouvi!- gritei. – Eu te ouvi.
Mas eu estava mentindo, porque, se meu pai tocasse nela novamente, eu a defenderia. Lutaria por ela. Seria sua voz, mesmo que eu perdesse a minha própria. Porque eu sabia que ela tinha se calado por causa dele. Foi por causa dele que o fogo dentro dela se apagou.
Mãe, volta pra mim.
Quando eu a perdi? Ela ficaria perdida para sempre?”

O relacionamento com o irmão e com Alyssa são os únicos fatores que não deixaram Logan sucumbir de vez. Vou dizer, é muito sofrimento pra um garoto só, que se vê obrigado a amadurecer rápido demais e improvisar em diversos momentos da vida.

Kellan é um príncipe, um super-herói como Logan o considera. É lindo ver o amor e devoção que ele tem pelo irmão, o quanto Kellan o protege, defende e faz tudo pelo irmão mais novo. E fiquei triste demais pelo que ele passa mais pra frente no livro.

“Meu irmão Kellan é um super-herói. Ele pode não salvar o mundo nem usar uma capa, mas ele muda vidas. Ele sempre viveu cada dia como se fosse único. Ele sorri mesmo quando sente dor. Acredita no amor, na vida e em finais felizes. Ele acredita na família. Quero dizer, ele acreditou em mim quando eu provavelmente não merecia crédito algum. Nós crescemos em situações diferentes. Enquanto ele acreditava na felicidade, eu estava preso em minhas tragédias pessoais, mas ele ainda assim me amou. Ele me amou incondicionalmente. Seu amor não teve limites. E, por causa desse amor, eu soube que nunca estaria sozinho.”

A leitura é emocionante demais, é sofrida, é intensa e causa revolta em diversos momentos. Nos faz parar e refletir, que a realidade de Logan, infelizmente, não é muito diferente da de tantos jovens atualmente. E diferente dele, muitos não tem um irmão super-herói para salva-los. Mas no fim, é bonito ver como Logan dá a volta por cima de certa forma, apesar de tudo. Vi muita gente criticar Logan, mas eu entendi que a vida dele não foi fácil e que tudo que acontece é reflexo de uma criação e vida muito difícil, e que pessoas por menos que isso, se perdem muito mais.

Quanto ao romance é intenso e embala boa parte da história, mas essa história é muito mais! Fala sobre família - ou a falta dela -, sobre superação, sobre amor de forma incondicional e pura, amor desinteressado, sobre perdão e segundas chances.

É intenso e arrasador, e nos trás tantas reflexões. Mostra que, pequenos gestos como, um sorriso, uma mensagem, um “oi”, “Eu estou aqui”, podem salvar o mundo de alguém que está prestes a desmoronar e se transformar pra sempre.

Recomendo que vocês leiam, e sintam na pele tudo que senti.
Apenas, leiam!! Vale muito essa leitura.

E mais uma vez Brittainy C. Cherry ganhou meu coração e total atenção!





Confira a resenha do Primeiro livro da Série:

















Próximos volumes da Série "Elementos":


  


Jaqueline Silva
Carioca, mãe, apaixonada pela família e amigos, viciada em Coca-Cola, chocólatra, apaixonada por livros e filmes, estudante de enfermagem e blogueira nas horas vagas.
Amo blogar e tudo o que a literatura me trouxe. Pra mim ler é poder viajar sem sair do lugar.

11 comentários

  1. Oi, Jacqueline!
    Estou louca para ler esse livro!!! Ele já está aqui na estante só esperando a vez dele na fila. rsrs...
    Fico muito feliz que você tenha adorado o livro, pois já vi alguns comentários negativos sobre o Logan. Vou tentar ler e não ir com sede demais ao pote.
    Obrigada pela dica!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Acho que sou uma das poucas pessoas que ainda não leram nada da autora, e acho isso uma pena, mas planejo mudar isso muito em breve. A autora é bastante elogiada e até agora não li um único comentário negativo sobre suas obras. Estou bem curiosa para saber como ela desenvolve seus enredos e cria seus personagens, já que há uma multidão de fãs por aí a fora.

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Ler Brittainy é sempre um mar de emoções, de sofrimento, tormenta, drama e se já sofri e amei em O Ar Que Ele Respira, acho que aqui vou ter ataque cardíaco HAHA brincadeira, mas que bom saber que esses elementos que marcam a autora ainda estão presentes. Isso me incentiva cada vez mais a realizar a leitura o mais breve possível. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Essa série enlouqueceu os bloggueiros que eu costumo vizir kkk, todo mundo estava bem elforico pelo o lançamento do primeiro livro. Eu tenho sim um pouco de curiosidade em saber com é o livro, já que logo depois li dezenas de resenhas e todas foram repletas de elogios. Adorei sua parte crítica e até mais
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá, muito boa a sua resenha. Gosto bastante de histórias que tragam irmãos como personagens, e gosto também de romances, é uma leitura que certamente farei quando tiver oportunidade.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Já vi outras opiniões de pessoas decepcionadas com este livro. A sua foi a primeira que destacou os pontos positivos. Será uma das minhas próximas leituras. Obrigada por compartilhar a sua experiência. Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Oi Jaq!
    Confesso que por mais positivas que sejam as resenhas as resenhas sobre os livros da autora, nada em particular me chama atenção. Na realidade, por mais elogios que os livros recebam, acho tudo tão batido KKK. Sei lá. O gênero não me agrada muito nao. Mas fico feliz que tenha sido uma continuação ainda melhor que o anterior. É raro, por causa das maldições dos segundos volumes KKK.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiii Jaqueline, tudo bem?
    Menina eu tenho tamanha vontade de ler esse livro que você nem imagina, o primeiro ainda estou namorando também, quem sabe em um promoção acabe comprando.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oieee, eu li o livro e simplesmente amei!!! que história mais sofrida gente, quando vc acha que a autora não pode mais te fazer chorar ela vai lá e pronto! vale muito a pena!

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Estou com o primeiro livro da série aqui para ler, mas sempre acabo passando outros na frente porque sei que os livros dessa autora são arrasadores e sei que ficarei de ressaca rs.. enfim.. gosto de livros que fogem um pouco do romance e nos conta a vida do personagem, nos fazendo refletir e aprender com ela. Gostei de saber mais, mas essa capa não me agradou rs'

    Beijos!
    http://blogdatahis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Jaque.
    Bom saber que o livro vai além do mero romance, e principalmente que o personagem consegue superar todo sofrimento, isso ajuda a suportar toda carga dramática da história.
    Já ouvi dizer que Brittainy despedaça o coração do leitor, mas estou disposta a conhecer a autora.

    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário, volte sempre! =)